sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Medo do mar

Mergulhar em profundas águas,fria
e amarga.

Profundo cair,lento descer.

Na dor da decepção,aguardar o impacto
não se debater é melhor.

Entregar-se a força que arrasta,desilusão
que assume a forma das ondas do mar.

Arrasta,leva,afunda,sonhos e esperanças,deixa a marca na alma
uma sobre as outras.

A alma marcada como areia do mar



2 comentários:

  1. Ninguém tem culpa por se apaixonar. Apaixonamos-nos quando encontramos alguém a quem queremos oferecer o melhor de nós. Se a pessoa não entendeu ou não deu valor, que se há de fazer? Siga em frente e não deixe jamais de creditar no amor. Não perca a esperança de ser feliz no amor. A vida se encarregará de trazer outra oportunidade.

    Com tempo, deixe sua impressão em algum texto do meu http://jefhcardoso.blogspot.com Um abraço do Jefh!

    ResponderExcluir